Élida

setembro 2019

A depressão já não é algo fácil de se lidar, imagina então, passar por isso estando ainda por cima, longe de casa, dos amigos e da família! Por sorte encontrei o Gil, que foi muito acolhedor e  empático. Me explicou como nosso cérebro funciona e me tranquilizou sobre a possibilidade de “sobreviver” a ela. De quebra ainda me indicou um ótimo psiquiatra aqui na Europa. Obrigada Gil!